Desde 2001, o restaurante La Terrina foca sua cozinha na clássica culinária italiana. A decoração remete à gastronomia, com quadros cujos temas são utensílios como garfos, facas e travessas. O ambiente lembra uma simpática vila italiana, com pilares e fontes que sugerem um espaço romântico e aconchegante.

O piano-bar confere um ar elegante à casa, que conta com uma programação de música clássica e popular, de terça a sábado no jantar, e nos almoços de domingo. O estabelecimento conta ainda com uma varanda com mesas ao ar livre, tanto para a degustação de drinks - antes ou depois das refeições -, quanto para aproveitar um pouco da paisagem imersa a um belo jardim.

Na casa, uma sociedade do empresário Faustino da Silva e o chef Aldo Teixeira, predominam as massas frescas, produzidas na própria casa, como o “Taglierini Com Gamberoni e Zucchini”, massa ao molho de camarões cozidos, creme de leite, açafrão e fios de abobrinha; e o “Gli Involtini Di Re Rotari”, enrolado de salmão fresco e defumado, recheado com manjericão dourado na manteiga e acompanhado de tagliolini ao molho de tomate e manjericão.

Entre os pratos à base de carne, destaque para o “Chateau À Tobruk”, preparado na panela de ferro, com base de manteiga e molho rôti, com mostarda, champignons, alho, uvas-passas e cebolinha, acompanhados de risoto do próprio molho; e o “Caprito Al Forno”, parte da perna do cabrito assada ao forno e acompanhada de brócolis alho e óleo e batatas coradas.

“Pollo Alla Porto” é uma opção de frango. O prato é composto por peito de frango grelhado com molho rôti, cebola triturada puxada na manteiga, cenoura, champignon e vinho do porto, acompanha purê de mandioquinha.

Destaque também para o “Filetto de Pesce Bella Venezia”, peixe grelhado puxado na manteiga, limão, vinho branco, amêndoas e uva tipo Itália, acompanhado de batatas souté; e para o “Gamberoni Alla Mele”, camarões fritos na manteiga e flambados no conhaque, com molho branco e bolinhas de maçã gratinados, acompanhadas de arroz com passas. Entre os risotos, destaca-se o “Risotti Di Bacalã”, preparado com arroz arbóreo italiano, caldo de peixe, pitada de tomate e bacalhau desfiado.